"Adoro música. Me sinto feliz ouvindo boas canções. Se estou na merda, ponho Tom Waits, Bob Marley ou alguma coisa assim, e funciona como mágica. Nada se compara com o que você sente quando ouve música que te agrada. É um fenômeno único."
(Jason Newsted)

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Battery

"Battery" começa com um trecho de guitarra limpo e lento. Nesse caso, quatro guitarras acústicas são sobrepostas harmonicamente antes da bateria e do baixo aparecerem com guitarras distorcidas tocando uma versão mais melódica da parte acústica. Esses trechos se estendem até 1:06, quando as guitarras abrem um riff rápido e característico do thrash metal, que é base para o resto da canção. A faixa também tem a pesada presença do baixo de Cliff Burton, e uma batida selvagem e consideravelmente difícil de bateria, executada por Lars Ulrich.


Battery

Lashing out the action, returning the reaction
Weak are ripped and torn away
Hypnotizing power, crushing all that cower
Battery is here to stay

Smashing through the boundries
lunacy has found me
cannot stop the Battery
Pounding out aggression
turns into obsession
cannot kill the Battery
Cannot kill the family
Battery is found in me
Battery

Crushing all deceivers, mashing non-believers
never ending potency
Hungry violence seeker, feeding off the weaker
Breeding on insanity

Smashing through the boundries
lunacy has found me
cannot stop the Battery
Pounding out aggression
turns into obsession
cannot kill the Battery
Cannot kill the family
Battery is found in me
Battery

Circle of Destruction, Hammer comes crushing
Powerhouse of energy
Whipping up a fury, Dominating flurry
We create the Battery

Smashing through the boundries
lunacy has found me
cannot stop the Battery
Pounding out aggression
turns into obsession
cannot kill the Battery
Cannot kill the family
Battery is found in me
Battery


Agressão
Açoitando a ação, retornando a reação
Fracos são rasgados e partidos
Poder hipnotizante, esmagando tudo que se acovarda
A Bateria está aqui para ficar

Esmagando através das fronteiras
A loucura me encontrou
Impossível parar a agressão
Expelindo agressão
Tornando-se obsessão
Impossível matar a agressão
Impossível matar a família
A agressão se encontra em mim
Agressão

Esmagando todos os traidores, esmagando os que não acreditam
Potência sem fim.
Um faminto por violência, alimentando-se dos fracos
Procriando através da insanidade

Esmagando através das fronteiras
A loucura me encontrou
Impossível parar a agressão
Expelindo agressão
Tornando-se obsessão
Impossível matar a agressão
Impossível matar a família
A agressão se encontra em mim
Agressão

Círculo de destruição, o martelo desce esmagando
Usina de energia
Empurrando uma fúria, agitação dominante
Nós criamos a agressão

Esmagando através das fronteiras
A loucura me encontrou
Impossível parar a agressão
Expelindo agressão
Tornando-se obsessão
Impossível matar a agressão
Impossível matar a família
A agressão se encontra em mim
Agressão



Nenhum comentário:

Postar um comentário